rel-tag-pt-br

Jump to: navigation, search

rel-tag

Contents


Especificação do Esboço 2005-01-10

Editores/Autores

Tantek Çelik

Kevin Marks

Concepção

Derek Powazek

Copyright

This specification is (C) 2004-2017 by the authors. However, the authors intend to submit (or already have submitted, see details in the spec) this specification to a standards body with a liberal copyright/licensing policy such as the GMPG, IETF, and/or W3C. Anyone wishing to contribute should read their copyright principles, policies and licenses (e.g. the GMPG Principles) and agree to them, including licensing of all contributions under all required licenses (e.g. CC-by 1.0 and later), before contributing.

Patentes

This specification is subject to a royalty free patent policy, e.g. per the W3C Patent Policy, and IETF RFC3667 & RFC3668.

Sumário

Rel-Tag é um dos muitos microformatos. Para inclusão rel="tag" a um hyperlink, uma página indica que o destino daquele hyperlink é destinado a "tag" (ou palavra-chave/assunto) para a página atual. Note que a tag pode apenas referir a porção maior da página atual (como. uma postagem de blog). ex: por colocar este link em uma página,

<a href="http://technorati.com/tag/tech" rel="tag">tech</a>

o autor indica que a página (ou alguma parte da página) tem uma tag "tech".

A link da página DEVE existir e é a página linkada, em vez do texto do link que define a tag. O último caminho do componente da URL é o texto da tag, então

<a href="http://technorati.com/tag/tech" rel="tag">fish</a>

deveria indicar a tag "tech" em vez de "fish".

Escopo

rel="tag" é especialmente designado para conteúdo "tagging", tipicamente páginas da web (ou porções dela, como blog-postagens)

rel="tag" NÃO é destinada para estiquetar/por tag ("tagging") em URL's proprietárias ou para conteúdo externo. Há demanda por uma sintaxe decentralizada maior pela etiquetagem de URL's externa para a página atual, mas isso não é significativo. Veja xFolk e hReview para formas de por tag em URLs arbitrárias.

Se você precisa definir tags como parte de um formato mais especializado. rel="tag" é uma forma recomendada de fazer isso, e xFolk, hReview, hCard e hCalendar todos esses.

XMDP profile

<dl class="profile">
 <dt id="rel">rel</dt>
 <dd><p>
   <a rel="help" href="http://www.w3.org/TR/html401/struct/links.html#adef-rel">
     HTML4 definition of the 'rel' attribute.</a>  
   Here is an additional value.</p>
  <dl>
   <dt id="tag">tag</dt>
   <dd>Indicates that the referred resource serves as a "tag", 
       or keyword/subject, for the referring page.</dd>
  </dl>
 </dd>
</dl>

Espaços em Tag

Tags são embutidas em HTTP URIs em uma bem-definida maneira de modo que tags embutidas em um HTML URI pode ser extraido mecaniamente da URI. Especialmente, o último segmento da porção do caminho da URL (depois do caracter final "/") contém o valor da tag.

Por exemplo, a URI
http://www.example.com/tags/foo
contém a tag "foo".

Assim, para propósitos de comparação duas HTTP URIs como tags, o último segmento do caminho da porção deve ser extraídoe somente aquele valor (aquele valor da tag) deve ser comparado.

Precisa-se de mais linguagens formais sobre comparações e sobre processo de extração.

O destino de um hyperlink rel="tag" é necessário para ser um espaço de tag (um local que confere ou define tags), onde o último segmento do caminho de uma URL é a tag, ex:

http://technorati.com/tag/tech 

é uma URL para a tag "tech". Tags podem apenas ser localizadas em um caminho URL, e apenas o último segmento do caminho. Tags podem não estar localizadas no paramentro solicitado ou fragmento identificador. ex:

http://technorati.com/tag/tech?tag=fish#emu 

ainda é uma URL para a tag "tech", e não "fish" e não "emu".

Como a última parte do espaço da tag da URL da qual qualquer estrutura é requirida é o último caminho do segmento, um espaço de tag da URL pode estar localizada em qualquer domínio. Autores podem escolher um link para uma tag em uma tag particupar para oferecer um significado especifico. Ex: uma tag para a tecnologia pode linkar para:

  http://en.wikipedia.org/wiki/Technology 

Barras posterior na tag da URL são ignoradas, como:

  http://technorati.com/tag/Technology/ 

a URL rel-tag é tratada como:

  http://technorati.com/tag/Technology 

Assuntos de Encodificação

Espaços podem ser convertidos por + ou %20. Como os caracteres unicode são convertidos, por favor veja a lista em RFC 3986. Por exemplo:

<a href="http://technorati.com/tag/Sant%C3%A9+et+bien-%C3%AAtre" rel="tag">Santé et bien-être</a> 

Note que se usar Wikipedia como um tagspace, como descrito acima, você deve usar %20 como eles convertem '+' por %2B, causando uma página com mais sinais no título (que geralmente não existe) para aparecer.

Tags São Vísiveis a Metadata

Hyperlinks rel="tag" são destinados a ser vísiveis a links na páginas e postagens. Esse é um contraste perfeito para meta keywords (que está invísivel e tipicamente nunca relevado a leitores), e assim é ao menos um tanto mais resiliente a problemas que atormentam meta keywords.

Tornando tag hyperlinks vísiveis têm um benefício adicional ao fazer isso mais óbvio al eitores se uma página está abusando de links com tag, e assim oferecer mais pontos precisos para melhor ambiente Isso também torna mais óbvio a autores, que podem nem sempre estar ciente de que metadata invísivel estar sendo gerada em seu benefício

Como um resultado da variante da sintaxe de tag invísivel: <link rel="tag" href="..." /> NÃO DEVEM ser suportada pela implementação.

Implementações

Essa seção é informativa.

As seguintes implementações tem sido desenvolvidas na qual ou gera ou analisa link rel-tag Se você tem uma implementação rel-tag, sinta-se livre para adicioná-la ao topo dessa lista.

rel-tag#Implementations

Referência

Normative References

Informative References

Discussions

Q&A

Issues

rel-tag-pt-br was last modified: Saturday, December 20th, 2008

Views